18 de janeiro de 2017

MPF: edital previsto com 842 vagas de técnico e analista

O Ministério Público Federal (MPF) tem edital previsto com 842 vagas de Níveis médio e superior. O novo concurso público MPF, visa a abertura de vagas para as carreiras de técnico, analista e procurador regional da República.

De acordo com o projeto de lei que tramita na Câmara dos Deputados, o novo concurso MPF visa criar 842 vagas efetivas de níveis médio e superior, para o quadro de pessoal do Ministério Público Federal, em todo o país, de acordo com o Jornal JC Concursos.

Vagas e Cargos

Serão criadas 501 oportunidades para técnico, 207 para analista e 134 para procurador. no quadro da MPF.

Para concorrer à carreira de técnico é preciso ter certificado de ensino médio emitido por instituição reconhecida pelo Ministério da Educação.

Para concorrer o cargo de analista, os candidatos previsão ter formação superior, para atuação em diversas áreas.

As remunerações correspondem a R$ 6.167,99 para técnico e a R$ 10.119,93 para analista, sem incluir os seguintes benefícios: R$ 884 de vale-alimentação, R$ 699 de assistência pré-escolar, R$ 181,77 de auxílio-transporte, além de assistências médica e odontológica.

Já o posto de procurador regional da República exige bacharelado em direito e, no mínimo, três anos de atividade jurídica, exercida após a obtenção da graduação. O salário inicial oferecido é de R$ 28.947,55

De acordo com o Jornal JC Concursos, no momento, o projeto de lei que prevê, consequentemente, a realização de um novo concurso do MPF está análise na Comissão de Trabalho, de Administração e Serviço Público (CTASP). Depois ele ainda será avaliado pelas comissões de Finanças e Tributação (CFT) e de Constituição e Justiça e de Cidadania (CCJC).

Após ser aprovado em todas as comissões, o documento irá ser avaliado pelo Plenário e, em seguida, irá para o Senado Federal. Por isso, haverá a sanção por parte do presidente da República.

Último concurso do MPF

No final de 2016, o MPF lançou edital com 82 vagas para procurador espalhadas em todo o Brasil. Em março deste ano serão aplicadas as provas objetivas com questões de múltipla escolha em todas as capitais do Estado, mais o Distrito Federal. Ainda haverá provas subjetivas, inscrição definitiva, análise de títulos e testes orais.

Último concurso do MPU

O MPU realizou concurso, em 2013, com 263 oportunidades, além de cadastro reserva, para técnico e analista. Sob a organização do Cespe/UnB, o processo seletivo constou de duas provas objetivas (uma com 50 questões de conhecimentos básicos e outra com 70 questões de conhecimentos específicos) para todos os participantes e teste discursivo para analista.

O edital do concurso do MPU teve ofertas no Acre, Alagoas, Amapá, Amazonas, Bahia, Distrito Federal, Espírito Santo, Goiás, Maranhão, Mato Grosso, Minas Gerais, Pará, Paraíba, Pernambuco, Piauí, Rio de Janeiro, Rio Grande do Norte, Rio Grande do Sul, Rondônia, São Paulo e Tocantins.

Fonte: Jornal JC Concursos

Postagens Recomendadas × +